Menu

CONFIRAM AS PRÓXIMAS PROGRAMAÇÕES DE NOSSA CONGREGAÇÃO, VISUALIZANDO A AGENDA NO FINAL DA PAGINA

quarta-feira, 12 de março de 2014

O Dia sem Amanhã!


“Tudo tem o seu tempo determinado, e há tempo para todo o propósito debaixo do céu.
Há tempo de nascer, e tempo de morrer; tempo de plantar, e tempo de arrancar o que se plantou;”    Ec 3:1-2
Hoje é um dia de reflexão para mim. Há 20 anos chorei numa sala de cirurgia quando minha mãe enfim deu à luz a um menino meio rosado, com 3 quilos e 600 gramas em um hospital na cidade de Goiânia-GO. É isso mesmo! Hoje é meu aniversário.
Costumeiramente, hoje será dia festivo, dia de receber presentes e congratulações de amigos e familiares, mas para mim, não deixa de ser um dia bastante reflexivo. Pois vejo as marcas irreversíveis do tempo em mim, em meus pais, em meus familiares, na natureza, e logo concluo que tudo é passageiro.
Mas ao passo que analiso o quanto somos degradáveis, percebo o quanto pensamos que somos eternos e que sempre teremos um amanhã. Estamos em pleno Carnaval no Brasil, época de festas tomadas por drogas, bebidas e ‘sexo sem compromisso’. Algo que nos deixa claro o quanto a vivência do hoje é mais importante nos nossos corações do que o cuidado com o futuro. Nos mostrando que estamos sempre nos considerando sempre jovens, tendo ainda, bastante tempo para podermos refazer de modo correto o que agora é insano.
Pense bem! Se ao acaso descobríssemos que a volta de Jesus fosse amanhã, como seria o nosso dia hoje? Acredito que seria um dia de bastante oração e consagração, não!? Provavelmente seria um dia de entrega total a Deus, onde pessoas se reconciliariam e voltariam a Cristo, outros se humilhariam diante de Deus pedindo perdão, porque saberiam que não teriam mais tempo. Milhares de pessoas decidiriam não fazer mais suas vontades neste dia, para que pudessem ser aceitos no dia seguinte.
Isso expõe o quanto somos hipócritas e pretensiosos! Nos mostrando que não ligamos para o sacrifício que Jesus fez na cruz, morrendo para nos dar vida eterna. E que queremos viver para nós mesmos até podermos desfrutar o que a vida pode nos dar, e assim, concluir a nossa caminhada voltando a Deus (que ainda nos aguarda) com uma sensação de missão cumprida.
“E, como foi nos dias de Noé, assim será também a vinda do Filho do homem.
Porquanto, assim como, nos dias anteriores ao dilúvio, comiam, bebiam, casavam e davam-se em casamento, até ao dia em que Noé entrou na arca,
E não o perceberam, até que veio o dilúvio, e os levou a todos, assim será também a vinda do Filho do homem.”         Mt 24:37-39
Até mesmo uma música secular nos alerta quanto a nossa postura impensável em relação ao amanhã, nos despertando a cultivar o amor no nosso relacionamento com o próximo:
“É preciso amar as pessoas
Como se não houvesse amanhã
Porque se você parar pra pensar,
Na verdade não há.”            
Deus que conhece o nosso interior e sabe que pouco tempo nos resta nos revela em Sua palavra diversas vezes o quanto vivemos em displicência quanto ao relacionamento com Ele. Porque assim como fazemos com as pessoas, sempre pensamos que amanhã teremos tempo para aproveitarmos o que não fizemos para Ele hoje.

Portanto, meu desejo hoje e sempre é que saibamos viver amando a Deus, nossa família, e nossos amigos como se fosse a última oportunidade para fazermos isso. Porque chegará um dia em que realmente isso será verdade e não terá mais amanhã!

Fonte: http://jovensevangelicos.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário