Menu

CONFIRAM AS PRÓXIMAS PROGRAMAÇÕES DE NOSSA CONGREGAÇÃO, VISUALIZANDO A AGENDA NO FINAL DA PAGINA

sábado, 15 de março de 2014


…Senhor, para quem iremos nós? Tu tens as palavras da vida eterna”(João 6:68).

Jesus não estava preocupado com o número de pessoas que iria segui-lo, é tanto que chegou um momento que Ele trouxe uma palavra sobre o verdadeiro cidadão do céu, Ele apresentou um caminho tão estreito que a multidão ao ouvir suas palavras o deixaram, e foram embora… Muitos, pois, dos seus discípulos, ouvindo isto, disseram: “Duro é este discurso; quem o pode ouvir?” Jesus olhando para trás viu os seus discípulos e disse: “E vocês, não vão embora com eles? Eu lhes preguei a verdade, eu estou dizendo a vocês o que é ser um cidadão do céu. Vocês vão desistir também como esses que viraram as costas para a verdade?” E Pedro se manifestou e disse: “Senhor, para quem iremos nós? Tu tens as palavras da vida eterna.”

Algumas pessoas tentam deixar o caminho para o céu um pouco mais largo porque temem em estreitar o caminho pregando a verdade e afastar as pessoas, mas o caminho para o céu é estreito. A palavra que Jesus pregou pareceu uma palavra dura, a multidão tomou como um fardo pesado. Só que na verdade o julgo que Jesus dá para as pessoas é suave, e o fardo é leve “Porque o meu jugo é suave, e o meu fardo e leve” (Mateus 11:30). Só que as pessoas querem um fardo ainda mais leve, querem FACILIDADE para entrarem no reino dos céus.

Minha preocupação é: Estou de fato vivendo o que Jesus nos ensinou sobre o verdadeiro cidadão do céu? Estou de fato ajudando vocês a se achegarem cada vez mais perto de Deus? É triste pensar que muito mais da metade das pessoas que se dizem cristãs não estão vivendo o verdadeiro evangelho. E é mais triste ainda pensar que eu posso estar no meio dessas pessoas, por isso ajuda-me Senhor a me esforçar para te buscar, porque eu não quero viver no raso. 

Fonte:http://jovensevangelicos.com/

Nenhum comentário:

Postar um comentário