Menu

CONFIRAM AS PRÓXIMAS PROGRAMAÇÕES DE NOSSA CONGREGAÇÃO, VISUALIZANDO A AGENDA NO FINAL DA PAGINA

domingo, 20 de abril de 2014

Poderoso e Fiel é o Senhor e o Fará

Gên 13:16  Farei a tua descendência como o pó da terra; de maneira que, se alguém puder contar o pó da terra, então se contará também a tua descendência.”

Gên 16:10 Disse-lhe mais o Anjo do Senhor: Multiplicarei sobremodo à tua descendência, de maneira que, por numerosa, não será contada.”
Gên 22:17 Que deveras te abençoarei e certamente multiplicarei a tua descendência como as estrelas dos céus e como a areia na praia do mar; a tua descendência possuirá a cidade dos seus inimigos,”
Sabemos, pelas Escrituras, que a promessa feita a Abraão de ter uma descendência tão numerosa e incontável, se refere àqueles que são reputados como seus filhos na fé, por terem sido feitos filhos de Deus, pela mesma fé que justificou a Abraão.

Caso, tivéssemos que aguardar que o número destes descendentes fosse completado na presente dispensação da graça até o dia do arrebatamento da Igreja, seria necessário esperar ainda muitos séculos para a volta de Jesus, mas não podemos esquecer que a descendência de Abraão continuará se multiplicando extraordinariamente, e muito mais do que desde os seus dias até os nossos, no período do Milênio, quando nosso Senhor estiver sob o governo direto de todas as nações do mundo.

Quando houve o dilúvio, coube a Noé dar início a uma nova geração, sob as instruções dadas por Deus a Noé para serem transmitidas por ele e por seus filhos às gerações que lhes sucederiam, e assim por diante.

Todavia, sabemos que o pecado logo voltou a controlar o procedimento dos homens, como se vê por exemplo na construção da Torre de Babel.

Mas de quantos filhos Deus se proveu, e tem anda se provido mesmo no mundo governado pela iniquidade e com governantes injustos que não têm o temor do Senhor?
De quanto maior número de filhos então, Deus não se proverá quando os fiéis que forem deixados sobre a Terra, depois da segunda vinda de Jesus, estiverem debaixo do Seu governo justo e perfeito, que não mais terminará?

Somente o final do período do Milênio porá termo à procriação na face da Terra, e até lá, a descendência de Abraão será tão numerosa como as estrelas dos céus e como a areia na praia do mar.

Poderoso e fiel é o Senhor, e o fará.

Fonte:http://estudos.gospelmais.com.br/

Nenhum comentário:

Postar um comentário