Menu

CONFIRAM AS PRÓXIMAS PROGRAMAÇÕES DE NOSSA CONGREGAÇÃO, VISUALIZANDO A AGENDA NO FINAL DA PAGINA

sexta-feira, 27 de maio de 2016

CONSELHOS DE UMA MÃE

“...Ó filho do que te direi, ó filho dos meus votos? Não dês às mulheres a tua força, nem os teus caminhos, às que destroem os reis”Pv 31.2,3
A mãe do rei Lemuel é uma educadora primorosa. Ela investe na vida do filho e as vitórias do filho refletem esse investimento. Aqui, ela faz duas declarações eloquentes ao seu filho e depois lhe dá um conselho firme. As duas declarações são: primeiro “Você, filho, é muito importante para mim. Você é o filho do meu ventre. Eu gerei você. Acompanhei com vívido interesse a sua gestação, o seu desenvolvimento. Sua vida é preciosa para mim. Eu amo você”.
Segundo, “Você, filho, foi consagrado a Deus. Você é filho dos meus votos. Tenho grandes sonhos para sua vida. Dediquei você a Deus para que seja um instrumento poderoso nas mãos do Altíssimo”. Depois dessas declarações, então, essa mãe dá um conselho solene a seu filho: “Não dês às mulheres a tua força, nem os teus caminhos, às que destroem os reis”. O poder, a riqueza e o prestígio de um rei atraem muitos relacionamentos ambiciosos e muitos reis perdem sua honra e abalam o seu reino por se entregarem a essas aventuras.
Exemplo clássico disso foi o rei Salomão. Ele se envolveu com muitas mulheres. Corrompeu o seu coração. Levantou altares pagãos para agradar a essas mulheres e afastou-se do caminho da sabedoria. Uma mãe sábia tempera afeto com disciplina; carinho com exortação; doçura com firmeza.
Referência para leitura: Provérbios 31.2-9

Nenhum comentário:

Postar um comentário