Menu

CONFIRAM AS PRÓXIMAS PROGRAMAÇÕES DE NOSSA CONGREGAÇÃO, VISUALIZANDO A AGENDA NO FINAL DA PAGINA

terça-feira, 16 de agosto de 2016

O evangelho da paz


“Esta é a palavra que Deus enviou aos filhos de Israel, anunciando-lhes o evangelho da paz, por meio de Jesus Cristo.”At 10.36
O evangelho do reino é também o evangelho da paz. O evangelho não é uma invenção dos homens; é uma mensagem de Deus. Não procede da terra; emana do céu. Não chega a nós como resultado da sabedoria humana; vem-nos através da palavra de Deus. Este evangelho do reino é, também, o evangelho da paz. Por meio dele, judeus e gentios formam um só povo. O evangelho não faz distinção entre judeus e gentios. É endereçado a todos os homens, de todos os estratos sociais, de todos os estofos culturais, de todas as classes políticas.
É o evangelho da paz, pois onde é proclamado, aí os homens são reconciliados com Deus e com o próximo. Onde o evangelho da paz é crido, cessam as guerras e os conflitos dentro dos homens e entre os homens. Onde o evangelho da paz entra, ele produz paz com Deus, pois por meio de Cristo, todo aquele que crê, é reconciliado com Deus e feito filho de Deus.
O evangelho da paz não é outro evangelho distinto do evangelho do reino; é o mesmo evangelho anunciado por meio de Jesus Cristo, o Senhor de todos. À parte de Cristo não existem boas novas aos homens. Jesus Cristo é a própria essência do evangelho. Ele é o conteúdo do evangelho. O evangelho não é uma coletânea de doutrinas; é uma pessoa. É Jesus, o Senhor de todos.
Referência para leitura: Atos
10.1-48

Nenhum comentário:

Postar um comentário