Menu

CONFIRAM AS PRÓXIMAS PROGRAMAÇÕES DE NOSSA CONGREGAÇÃO, VISUALIZANDO A AGENDA NO FINAL DA PAGINA

sexta-feira, 12 de agosto de 2016

Separado para o evangelho de Deus

“Paulo, servo de Jesus Cristo, chamado para ser apóstolo, separado para o evangelho de Deus”Rm 1.1

No portal da sua mais robusta epístola, a carta aos Romanos, Paulo afirma três verdades sublimes: primeiro, ele se autodenomina servo de Jesus Cristo. O maior dos apóstolos não coloca a si mesmo no pedestal, mas curva-se ante o senhorio daquele que é Senhor dos senhores. Um homem nunca é tão grande como quando ele se humilha e se prostra aos pés de Jesus, reconhecendo-o como o seu Senhor.
Segundo, Paulo acentua seu chamado para ser apóstolo. Os apóstolos foram chamados diretamente pelo Senhor Jesus e foram testemunhas de sua ressurreição. Receberam poder para operar sinais e testemunhar com autoridade e poder o evangelho da graça. Paulo levou o evangelho aos rincões mais distantes do mundo e plantou igrejas em diversas províncias. Servo e apóstolo não são posições antagônicas. Nem todo servo é apóstolo, mas todo apóstolo deve ser servo.
Em terceiro lugar, Paulo acentua que ele foi separado para o evangelho de Deus. Seu chamado aconteceu na história, mas sua separação recua à eternidade. Paulo passou sua juventude aprendendo as doutrinas do judaísmo e, mais tarde, tornou-se um perseguidor implacável da igreja cristã. Mas, como o plano de Deus não pode ser frustrado, no tempo oportuno, Deus o salvou, o chamou e o designou para pregar o evangelho.
Referência para leitura: Romanos 1.1-7

Nenhum comentário:

Postar um comentário