Menu

CONFIRAM AS PRÓXIMAS PROGRAMAÇÕES DE NOSSA CONGREGAÇÃO, VISUALIZANDO A AGENDA NO FINAL DA PAGINA

terça-feira, 11 de outubro de 2016

PERIGO DA POLITIZAÇÃO DA IGREJA

“Vós sois o sal da terra [...]. Vós sois a luz do mundo...”Mt 5.13,14

Sempre que a igreja se uniu ao Estado, perdeu sua pureza. Sempre que a igreja se envolveu com política partidária, perdeu sua visão. Algumas denominações evangélicas no Brasil tornaram-se currais eleitorais. Líderes, movidos pela sede de poder, loteiam seus templos, manipulam seus membros, para sufragarem os candidatos de sua igreja, embalados pelas piores motivações.

Os candidatos são escolhidos, muitas vezes, não pela sua vocação política, preparo esmerado e ética granítica, mas pelas conveniências daqueles que o elegem, para defender não os interesses da nação, mas para fazerem lobby em favor de sua igreja. Essa politização da igreja tem minado sua credibilidade e abafado sua voz profética. Lamentavelmente, as bancadas evangélicas, não raro, estão envolvidas em corrupção, semelhantemente àqueles que não têm temor de Deus. Uma igreja precisa de reforma sempre que se afasta da verdade e sempre que se descuida da ética.

Como a teologia é mãe da ética, a igreja precisa voltar-se primeiro para as Escrituras, depois ela praticará o que é certo. A pobreza dos púlpitos desemboca em fraqueza de conduta. A falta de pregação fiel das Escrituras abre espaço para os descalabros morais tanto na igreja como na vida política. É mister uma reforma na igreja!
Referência para leitura: Mateus 5.13-16

Nenhum comentário:

Postar um comentário