Menu

CONFIRAM AS PRÓXIMAS PROGRAMAÇÕES DE NOSSA CONGREGAÇÃO, VISUALIZANDO A AGENDA NO FINAL DA PAGINA

sexta-feira, 21 de outubro de 2016

REAVIVAMENTO E VOLTA À PALAVRA


“Vivifica-me, segundo a tua misericórdia, e guardarei os testemunhos oriundos de tua boca”Sl 119.88
O reavivamento traz a igreja de volta às Escrituras e dá a ela grande fome da palavra. O mesmo Espírito que inspirou a palavra é derramado sobre a igreja em tempos de reavivamento. O reavivamento é governado pela palavra. O Espírito honra a palavra. Portanto, o reavivamento precisa ser guiado pela palavra e cingido por ela. Não podemos ir além das Escrituras nem ficar aquém delas.
Uma igreja cheia do Espírito não é aquela que cria novidades estranhas às Escrituras para atrair as pessoas, mas aquela que prega fielmente as Escrituras. Uma igreja cheia do Espírito não se curva diante do sincretismo religioso tão sedutor em nossos dias, mas o rejeita firmemente. Reavivamento não é abrir as portas da igreja para as novidades do mercado da fé, mas voltar ao antigo evangelho. Reavivamento não é buscar o inédito, mas voltar às origens. Reavivamento não é barulho, espiritualidade cênica ou esquisitice espiritual; reavivamento é uma volta às Escrituras.
Tanto o liberalismo teológico, que coloca a razão humana acima de revelação divina, como o misticismo, que coloca a experiência acima da palavra de Deus, estão na contramão do reavivamento. Não é abrindo a igreja às novas e falsas revelações que encontraremos o caminho do reavivamento, mas voltando-nos para a eterna, inerrante e infalível palavra de Deus.
Referência para leitura: Salmos 119.88-105

Nenhum comentário:

Postar um comentário