Menu

CONFIRAM AS PRÓXIMAS PROGRAMAÇÕES DE NOSSA CONGREGAÇÃO, VISUALIZANDO A AGENDA NO FINAL DA PAGINA

segunda-feira, 5 de dezembro de 2016

O Que é Adorar em Verdade?

João 4:23 Mas vem a hora e já chegou, em que os verdadeiros adoradores adorarão o Pai em espírito e em verdade; porque são estes que o Pai procura para seus adoradores.
João 4:24 Deus é espírito; e importa que os seus adoradores o adorem em espírito e em verdade.
Temos em nosso texto uma parte das palavras que Jesus dirigiu à mulher de Samaria, para lhe esclarecer quanto ao tipo de adoração única e verdadeira que é requerida por Deus.
Ao falar em adoração em espírito e em verdade, nosso Senhor pretende ensinar que o caráter desta adoração a Deus é eminentemente espiritual, segundo as operações realizadas pelo Espírito Santo, em nosso espírito, e também que deve ser segundo a verdade.
Esta verdade à qual se refere não é baseada no simples pronunciamento de palavras de louvores dirigidos a Deus, seja orando ou através de canções, mas sobretudo na aplicação da Palavra de Deus às nossas vidas, gerando em nós um procedimento reto e santo.
Não se trata portanto meramente de ser verdadeiro no uso das palavras e das emoções sentidas; não se trata da nossa verdade, mas da verdade de Deus sendo implantada em nós e gerando a nossa transformação progressiva à imagem de Jesus.
Isto se depreende das palavras do próprio Senhor Jesus Cristo em João 17.17: “Santifica-os na verdade; a tua palavra é a verdade.”, onde vemos que a verdade é referida como sendo a própria Palavra de Deus.
Assim, a adoração que é espiritual e verdadeira consiste num viver santificado pela Palavra de Deus, em obediência verdadeira à Sua Palavra, conforme somos capacitados para tal pela Sua graça, e mediante a nossa diligência em mortificarmos os nossos pecados, e nos consagrarmos ao Seu serviço, em amor.
De modo que o “adorar em verdade”, deve ser entendido não como “adorar de verdade”, ou seja, como sendo meras expressões sentimentais e emocionais verdadeiras em palavras, cânticos ou danças, mas “adorar segundo a verdade”, isto é, andando na verdade, vivendo na verdade, amando a verdade da Palavra divina e aplicando-a à vida.

Nenhum comentário:

Postar um comentário